• lembranças,  poema/poesia

    lanternerthal

    É neste escuro que te vejo brincar.Brincar como uma criança como uma criança que descobre a luz pela primeira vez.Como um Neanderthal que descobre o fogo e se vendo livre pela primeira vez.Correndo de braços abertos, sentindo o vento, brincando…

  • epifania,  evolução,  poema/poesia,  terra

    inércia

    Às vezes tudo parece paradoComo um mar em calmaria.Mas basta que alguém deseje,Basta que alguém se movimente,E rudo se transforma, afinalPara sair da inérciaÉ só dar o primeiro empurrão